jusbrasil.com.br
24 de Agosto de 2019
    Adicione tópicos

    Lúcia Maria Mendes Autran é a nova subdefensora Cível e Criminal da Região Metropolitana

    Com a escolha do novo corregedor, Marconi Dourado, Lúcia Autran assume o novo cargo com entusiasmo, preparando projetos que irão beneficiar a população da Região Metropolitana

    Defensoria Pública de Pernambuco
    há 9 anos

    Formada em 1985 pela Faculdade de Direito de Olinda, iniciou, no mesmo ano, sua carreira jurídica na Assistência Judiciária do Estado. Inicialmente, exerceu suas atividades no Núcleo de Paulista. Depois, ocupou os cargos de chefia do Juizado Cível da Boa Vista e também do Núcleo de Areias (atualmente denominado Núcleo de Afogados), por sete anos consecutivos. Foi ainda, chefe do Núcleo da Boa Vista e por último atuou no 2 º Juizado Especial Cível da Capital.

    “Por todos esses anos de dedicação à Defensoria Pública de Pernambuco tenho sido dedicada e vocacionada na prestação da assistência jurídica aos carentes e desassistidos. Sinto-me honrada e reconhecida profissionalmente ao ocupar o cargo de subdefensora Cível e Criminal da Região Metropolitana, onde buscarei contribuir para o engrandecimento da Instituição. Pretendo incrementar as ações já desenvolvidas pelo nobre colega Marconi Catulo Dourado (novo corregedor Geral da Defensoria), trabalhando em conjunto com os demais colegas defensores, visando sempre garantir o exercício da cidadania aos que buscam o auxilio da Justiça, disse a nova subdefensora Lúcia Autran.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)